top of page

Conduzindo Madeleine


Conduzindo Madeleine

Sinopse


Uma simples viagem de táxi por Paris se transforma em uma profunda meditação sobre a realidade do motorista, cuja vida pessoal está em frangalhos, e de sua passageira, uma senhora idosa cuja doçura esconde um passado chocante.


Crítica


Ao assistir "Conduzindo Madeleine" ( tive a sensação de voltar à velha locadora de filmes e ser surpreendida pela escolha do filme – não sei se vale acrescentar). O destino do filme pode parecer muito previsível à primeira vista, mas ele é conduzido de maneira tão envolvente e gracioso, e, por vezes, imprevisível como o olhar do diretor nos leva a passear pelas ruas de Paris. Esse olhar, é nele que reside a verdadeira beleza, Paris se transforma em mais do que apenas um cenário, torna-se uma viagem sentimental. Obs: Um ponto negativo, é que esperava mais do final, porém essa percepção não estragou a experiência vivida com o filme. A relação entre Madeleine e o motorista, elevam a experiência a um novo nível, onde cada minuto da trajetória de um dia se torna uma beleza cativante de 90 minutos. Confesso que, no início, hesitei em me deixar levar totalmente, pois atualmente a gente tem muita informação passando nas telas, mas no desfecho fui completamente cativada, me peguei completamente imersa, acompanhando aquela senhora de 90 anos. O nome do filme ao final, faz todo sentido. Trazendo uma mensagem da importância das nossas escolhas e o peso de viver uma vida conturbada e indomável e compartilhar essa visão. Em suma, o filme mantém uma presença marcante e firme, sem depender demais de recursos narrativos externos. Se você está cansado do cinema atual e quer uma experiência emocional e reflexiva, "Conduzindo Madeleine" certamente não vai te decepcionar



Por: Priscilla Sousa

45 visualizações3 comentários

Posts recentes

Ver tudo

3 Comments


Não conhecia o filme, irei adicionar à minha lista.

Like

Parabéns, excelente pontuação, essa crítica convida àqueles que não tiveram a oportunidade de assistir o filme correr para o sofá!

Like

Izabelle
Izabelle
Apr 30

Ótima crítica, inclusive, filme maravilhoso mesmo!

Like
bottom of page